Interdição de frequência das praias balneares do país pós Estado de Emergência

O IMP, informa a toda população que no âmbito das restrições anunciadas pelo Governo para o pós Estado de Emergência, e no sentido de reforçar o distanciamento social, mantém-se a interdição de frequência das praias balneares de todo o país de acordo com a Circular nº2 de 20 de março. A autorização para frequência das praias balneares será concedida logo que as condições de segurança permitirem.

Recorde-se que o fim do Estado de Emergência não significa o fim do Covid-19 e nem o fim das possibilidades de contágio e infeção.

Circular nº 02CD.IMP2020 – Interdição Frequência das praias balneares do País